quinta-feira, 22 de janeiro de 2015

Top de Dezembro de 2014


No último top mensal do ano 2014, Xavier Dolan assume o honroso primeiro lugar. Mamã recebeu uns estrondosos 9,22 de nota média (com quatro ocorrências de nota 10) e lidera agora o top anual, bem à frente de 12 Anos Escravo, o anterior líder, com 8,72. Ainda este ano, o jovem cineasta canadiano liderou o top mensal de Junho, com Tom na Quinta (7,89). Laurence Para Sempre conseguiu, em 2013, uma nota de 7,38.

No segundo lugar, o português Pedro Costa e o seu Cavalo Dinheiro receberam a classificação média de 8,14. Apesar das duas ocorrências de nota 10, o filme foi considerado ainda o mais controverso do mês, com uma diferença de seis pontos entre a nota máxima e a nota mínima.

Em terceiro lugar, Mr. Turner, do britânico Mike Leigh (que conseguiu quatro nomeações aos Óscares 2015), conseguiu a nota de 7,64. Esta nota é a mais baixa comparativamente com Secrets & Lies (1996), o único outro filme do realizador já classificado pelo CCOP: no top especial dedicado às Palmas d'Ouro, o filme recebeu a nota de 8,50.

Notas especiais para Mapas para as Estrelas, de David Cronenberg que recebeu a nota de 6,73; valor acima dos 6,55 conseguidos por Cosmopolis, em 2012. Ridley Scott e o seu Exodus: Deuses e Reis, atingiu a nota de 4,86. Este é o valor mais baixo para um filme do cineasta entre todos os já classificados por este colectivo, ainda abaixo de The Counselor (com a nota de 5,00 em Novembro de 2013). O último tomo da nova trilogia de Peter Jackson, O Hobbit: A Batalha dos Cinco Exércitos, foi classificado com 6,25, a pior nota entre todos. O Hobbit: A Desolação de Smaug foi o melhor classificado pelo CCOP (com a nota média de 7,00), enquanto que o primeiro capítulo, o Hobbit: Uma Viagem Inesperada, ficou-se pelos 6,60.

Destaque ainda para as reposições nacionais de A Quimera do Ouro e O Garoto de Charlot, ambos de Charlie Chaplin. Receberam as notas médias de 9,18 e 9,00; respectivamente.

Top de Dezembro de 2014
1.  Mamã, de Xavier Dolan | 9,22
2.  Cavalo Dinheiro, de Pedro Costa | 8,14
3.  Mr. Turner, de Mike Leigh | 7,64
4.  Carvão Negro, Gelo Fino; de Yi'nan Diao | 7,40
5.  Big Hero 6 - Os Novos Heróis, de Don Hall e Chris Williams | 7,00
6.  Mapas para as Estrelas, de David Cronenberg | 6,73
7.  O Hobbit: A Batalha dos Cinco Exércitos, de Peter Jackson | 6,25
8.  Exodus: Deuses e Reis, de Ridley Scott | 4,86
9.  Doidos à Solta, de Novo; de Bobby Farrelly e Peter Farrelly | 4,00

Filmes inelegíveis ou abaixo da amostragem dos 20%
 A Quimera do Ouro, de Charles Chaplin | 9,18
 O Garoto de Charlot, de Charles Chaplin | 9,00
 Douro, Faina Fluvial; de Manoel de Oliveira | 7,67
 Variações de Casanova, de Michael Sturminger | 7,00
 O Pintor e a Cidade, de Manoel de Oliveira | 7,00
 Água Prateada - Um Auto-Retrato da Síria, de Wiam Bedirxan e Ossama Mohammed | 7,00
 Painéis de São Vicente - Visão Poética, de Manoel de Oliveira | 6,50
 É Feliz o Homem Que é Alto?, de Michel Gondry | 6,00
 Os Pinguins de Madagáscar, de Eric Darnell e Simon J. Smith | 5,00
 Chefes Intragáveis 2, de Sean Anders | 4,33
 À Noite no Museu: O Segredo do Faraó, de Shawn Levy | 4,00
 Jogo Duplo: James Bening e Richard Linklater, de Gabe Klinger | -
 Famel Top Secret, de Jorge Monte Real | -
 O Velho do Restelo, de Manoel de Oliveira | -
 Gemma Bovery, de Anne Fontaine | -
- Papel de Natal, de José Miguel Ribeiro | -
 A Linguagem do Coração, de Jean-Pierre Améris | -
 3 Corações, de Benoît Jacquot | -

Filme mais popular (maior amostragem)
 Mapas para as Estrelas, de David Cronenberg (74%)

Filme mais controverso (maior diferença entre a nota máxima e a nota mínima)
2.  Cavalo Dinheiro, de Pedro Costa (6 pontos)

Pior filme (menor classificação em filmes com amostragem superior a 20%)
 Doidos à Solta, de Novo; de Bobby Farrelly e Peter Farrelly | 4,00

Filme com a maior nota individual (filmes com amostragem superior a 20%)
 Mamã, de Xavier Dolan (Nota 10: quatro ocorrências)
 Cavalo Dinheiro, de Pedro Costa (Nota 10: duas ocorrências)

Filme com a menor nota individual (filmes com amostragem superior a 20%)
 Doidos à Solta, de Novo; de Bobby Farrelly e Peter Farrelly (Nota 2: uma ocorrência)


Top de 2014

(Posição actual [Posição anterior])

1. [-]  Mamã, de Xavier Dolan | 9,22
2. [1]  12 Anos Escravo, de Steve McQueen | 8,72
3. [2]  Ida, de Pawel Pawlikowski | 8,63
4. [3]  Boyhood: Momentos de Uma Vida, de Richard Linklater | 8,60
5. [4]  Uma História de Amor, de Spike Jonze | 8,56
6. [5]  O Congresso, de Ari Folman | 8,55
7. [6]  Nebraska, de Alexander Payne | 8,44
8. [7]  O Acto de Matar, de Joshua Oppenheimer | 8,42
9. [8]  E Agora? Lembra-me, de Joaquim Pinto | 8,33
9. [8]  A Imagem Que Falta, de Rithy Panh | 8,33

Sem comentários:

Publicar um comentário