sábado, 30 de maio de 2015

Top de Abril de 2015


Novo mês analisado pelo Círculo de Críticos Online Portugueses e a entrada da animação japonesa O Conto da Princesa Kaguya volta a alterar o top anual. O filme recebeu a classificação média de 8,82 (com três ocorrências de notas individuais máximas) e lidera o ano de 2015. Comparativamente com os líderes dos anos anteriores, o filme iguala a nota de Antes da Meia-Noite (líder de 2013), ficando atrás dos 8,89 de Tabu (primeiro lugar de 2012) e dos 9,00 de Mamã (finalizou 2014 na liderança).

No segundo lugar surge O Sal da Terra, documentário sobre o fotógrafo brasileiro Sebastião Salgado, realizado pelo seu filho e pelo cineasta Wim Wenders. Com nota 8,00 é também um dos documentários já analisados pelo CCOP com melhor classificação (o primeiro é O Acto de Matar, com 8,55 em 2014).

Já na terceira posição e com uma nota que o deixa de fora do top 10 de 2015, a surpresa de Alex Garland com Ex Machina (um dos filmes com maior amostragem do mês), com 7,83 de nota média. Nota para a estreia do português Capitão Falcão, também um dos mais vistos do mês, com três ocorrências de notas individuais máximas, mas também um dos mais controversos (teve uma diferença de nove pontos entre a nota máxima e a nota mínima recebida): ficou-se pela pontuação de 6,58.

Top de Abril de 2015
  1.  O Conto da Princesa Kaguya, de Isao Takahata | 8,82
  2.  O Sal da Terra, de Juliano Ribeiro Salgado e Wim Wenders | 8,00 
  3.  Ex Machina, de Alex Garland | 7,83
  4.  Phoenix, de Christian Petzold | 7,67
  5.  Kurt Cobain: Montage of Heck, de Brett Morgen | 7,60
  6.  A Quietude da Água, de Naomi Kawase | 7,00
  7.  Corações Inquietos, de Saverio Costanzo | 6,80
  8.  Capitão Falcão, de João Leitão | 6,58
  9.  Os Vingadores: A Era de Ultron, de Joss Whedon | 5,60
10.  Suite Francesa, de Saul Dibb | 5,17
11.  Velocidade Furiosa 7, de James Wan | 4,90
12.  A Promessa de Uma Vida, de Russell Crowe | 4,40

Filmes inelegíveis ou abaixo da amostragem dos 20%
 Outra Forma de Luta, de João Pinto Nogueira | 8,00
 Que Estranho Chamar-se Frederico, de Ettore Scola | 7,67
 Labirinto de Mentiras, de Giulio Ricciarelli | 7,33
 Éden, de Mia-Hansen Løve | 7,33
 Outro País, de Sérgio Tréfaut | 7,00
 Mortadela e Salamão: Missão Não Possível; de Javier Fesser | 7,00
 A Respeito da Violência, de Göran Olsson | 7,00
 O Rapaz Invisível, de Gabriele Salvatores | 6,67
 Pela Rainha, de John Boorman | 6,50
 Walesa. Homem de Esperança; de Andrzej Wajda | 6,50
 Argumento de Amor, de Marc Lawrence | 6,00
 O Coro, de François Girard | 6,00
 Uma Vida ao Teu Lado, de George Tillman Jr. | 5,00
 Outro Novembro, de Götz Spielmann | 5,00
 A Idade de Adaline, de Lee Toland Krieger | 5,00
 Noite em Fuga, de Jaume Collet-Serra | 4,67
 O Rapto de Michel Houellebecq, de Guillaume Nicloux | 3,00
 Nos Limites, de Daniel Benmayor | 3,00
 Experiência de Quase-Morte, de Benoit Delépine, Gustave Kervern | 2,00
 Amor Acidental, de Stephen Greene | 2,00
 Tal Pai, Tal Mãe; de Martin Bourboulon | -
 Os Feitiços de Arkandias, de Alexandre Castagnetti, Julien Simonet | -
 Preto ou Branco, de Mike Binder | -
 Carlos do Carmo - Um Homem no Mundo, de Ivan Dias | -
 Dias e Noites, de Christian Camargo | -
 O Segurança do Shopping: Las Vegas, de Andy Flickman | -
 Faz-te Homem, de Etan Cohen | -
 Uma Turma Difícil, de Marie-Castille Mention-Schaar | -

Filme mais popular (maior amostragem)
 Ex Machina, de Alex Garland (67%)
 Capitão Falcão, de João Leitão (67%)

Filme mais controverso (maior diferença entre a nota máxima e a nota mínima)
 Capitão Falcão, de João Leitão (9 pontos)

Pior filme (menor classificação em filmes com amostragem superior a 20%)
 A Promessa de Uma Vida, de Russell Crowe | 4,40

Filme com a maior nota individual (filmes com amostragem superior a 20%)
 O Conto da Princesa Kaguya, de Isao Takahata (Nota 10: três ocorrências)
 O Sal da Terra, de Juliano Ribeiro Salgado e Wim Wenders (Nota 10: uma ocorrência)
 Phoenix, de Christian Petzold (Nota 10: uma ocorrência)
 Capitão Falcão, de João Leitão (Nota 10: uma ocorrência)

Filme com a menor nota individual (filmes com amostragem superior a 20%)
 Capitão Falcão, de João Leitão (Nota 1: uma ocorrência)


Top de 2015

(Posição Actual [Posição Anterior])

  1. [-]  O Conto da Princesa Kaguya, de Isao Takahata | 8,82
  2. [1]   Gett: O Processo de Viviane Amsalem, de Ronit Elkabetz e Shlomi Elkabetz | 8,67
  3. [2]  Leviatã, de Andrey Zvyagintsev | 8,60
  4. [3]  Um Ano Muito Violento, de J.C. Chandor | 8,43
  5. [4]  As Asas do Vento, de Hayao Miyazaki | 8,25
  6. [5]  Whiplash - Nos Limites, de Damien Chazelle | 8,25
  7. [6]  Birdman ou (A Inesperada Virtude da Ignorância), de Alejandro González Iñárritu | 8,22
  8. [7]  Citizenfour, de Laura Poitras | 8,09
  9. [8]  Os Combatentes, de Thomas Cailley | 8,00
  9. [-]  O Sal da Terra, de Juliano Ribeiro Salgado e Wim Wenders | 8,00 

Sem comentários:

Publicar um comentário